AI AS MINI SAIAS E OS SALTOS ALTOS!

 

Segundo Enzo Napoli, Presidente da Câmara de Salerno, bonita cidade com vista para o mar, a sul de Nápoles, há que preservar os turistas e residentes dos olhares libidinosos proporcionados pelas pernas e saltos altos das prostitutas que atento o mercado de oportunidades não se coíbem em puxar as saias uns centímetros acima dos joelhos.

Por esse facto podem ser multadas até 500 euros, o que lhes daria cabo das receitas provenientes do mercado da prostituição, pois que, como nos outros, resulta da oferta e da procura.

O Presidente da Câmara considera que se as prostitutas tiverem mais decoro, as oportunidades para os turistas e residentes caírem em tentação diminuirão e cessará o crescimento da prostituição na cidade.

Ora pode suceder que, com tal vontade de limpar a cidade de mini saias e saltos altos, o Presidente possa atingir todas as mulheres jovens e de meia-idade que se decidam, por moda, pelas mini saias e sapatos altos, como ocorre em muitas cidades italianas, francesas, espanholas, alemãs, portuguesas, isto é, europeias.

Enzo Napoli talvez se equivoque nos seus propósitos, pois tempo houve em que as mulheres andavam bem tapadinhas e a prostituição florescia, incluindo a proporcionar chorudas e santas receitas aos empreendedores do negócio.

O que o Presidente de Salerno está a promover é uma enorme inversão de valores que poderá levar a este despautério: tapem-se as mulheres e acabará a prostituição.

Não estará o Presidente da Câmara a defender a ideia judaico-cristã de que o mal está na primeira mulher, Eva, a tentadora do coitadinho do Adão? Haverá prostituição de mulheres sem homens que a frequentem?

O senhor Presidente da Câmara de Salerno deve sonhar com mulheres tapadas a quem não se pode ver a carne, descalças para não se ouvirem e não levarem à perdição dos homens…E se não se submeterem ao desígnio, castigo de 500€…Vá lá, podia ser pior, 500 chibatadas e nem assim a prostituição acabaria, pois algures no mundo muçulmano apesar dos castigos ela continua.

Que barbaridade! Mais parece um édito do Império Romano que uma diretiva municipal da Itália democrática. Quo vadis Salerno?

domingos lopes

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s