O COMOVENTE ENLEVO PELO “SOCIALISMO” CHINÊS

Ao cidadão mais distraído não tem passado despercebida esta súbita paixão dos governantes portugueses pelo “socialismo” chinês.
As grandes companhias chinesas estão a comprar grandes e médias empresas nacionais com a bênção dos neo liberais de cá guindados ao poder.
O que justifica este enlevo dos liberais de cá aos “comunistas” de lá?
Por que se querem tanto?
Ou é ainda a velha paixão de uns tantos maoistas-estalinistas convertidos (hoje altamente instalados no poder) ao novo rumo da China – Em força para o capitalismo sob a orientação do PC ch na construção do socialismo-?
O que seduz Portas, Catroga, Coelho e tutti quanti na construção da nova China?
A falta de sindicatos realmente independentes do Estado?
A competição que Passos Coelho quer implantar e até ultrapassar a China em salários baixos, a total ausência contratação coletiva, a abolição de justa causa de despedimento e das férias?
É esta ausência de direitos que os aproxima?
A verdade é esta: há muitos gestores a ganharem bom dinheiro que pinga dos chineses donos de grandes empresas.
E por isso não querem outro modo de tratar da vida – com os bilionários da China na venda das riquezas nacionais em saldo.
Consta que os ricos da China sabem recompensar os amigos e daí este corrupio de chineses.
Os chineses, ao que sabe, não são fáceis de enganar e jogam no cavalo certo e não há dúvidas que o governo português garantiu à Three Gorges que valia a pena o negócio da EDP.
Portas insiste para que venham carregados de dinheiro, pois cá estão os vistos gold a reluzirem dada essa característica do ouro, mesmo nos dentes.
Estes cavalheiros respeitáveis, assim o confirma os carregamentos de dinheiro, não pensam noutra coisa que não seja dar aos portugueses o que não dão aos seus conterrâneos: salários decentes.
O problema está nos mercados; o mercado chinês está conforme às agências de notação financeira e daí os nossos gestores se sentirem no Olimpo. Haja deus!
Os chineses ricos não se importam da cor do gato; o que lhes interessa é que apanhem o rato, o que vale dizer: ter o famigerado lucro.
No fundo, bem no fundo, quem lhes garante o lucro é o Estado “Socialista” lá e cá é o Estado neo liberal.
Faz lembrar o operário que na Praça de São Pedro aplaudia o Papa agitando uma bandeira do PCItaliano…foi interpelado – Então tu comunista a aplaudir o Papa? E ele lesto – Togliati (Secretário Geral do PCI) dá-me de comer na terra enquanto por cá ando; o Papa dá-me o céu…
Os investidores chineses cá e lá têm assegurado o sacrossanto lucro.
Haja mercados, dos que o Estado apadrinha, cá e lá.
Os outros mercados são feiras do tipo Carcavelos que servem também de lançamento de Portas no ataque aos impostos, de boné na cabeça. Depois com a careca a descoberto gere o aumento dos impostos. Irrevogavelmente.
Coelho mais contido aguenta bem os visto gold e pede conselhos ao velho maoista ex-Presidente da União Europeia, o sempre-em-pé Durão, que nada diz sem telefonar para o outro lado do Planeta.
Todos aguardam o fim das suas comissões nos respetivos cargos para em absoluto descanso e quietude voarem ao sabor dos novos mandarins.
domingos lopes

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s