ÉSSEÉLEBÊ-ÉSSELEBÊ-ÉSSEÉLEBÊ

 

Não há cidadão em todo o planeta que não conheça a grandeza do Ésseélebê, desde os confins da Amazónia até às estepes siberianas, passando pelo extenso Sahara e pelo Gobi até à sede da RDP, onde está instalada a RTP.

Trata-se de uma instituição que está a ser alvo de ataques vindos de forças invejosas pelo facto do seu fantástico Presidente aparecer em tudo quanto se relaciona com sucesso financeiro.

A resposta a esses ataques impôs àquela prestigiosa instituição a criação de um gabinete de crise cujos membros vigiam 24 sobre 24 horas tudo o que ao Éssélebê diz respeito.

No dia dezoito do corrente mês, do prestes a findar ano de 2019, no relvado da Luz a RTP montou toda a parafernália de câmaras para que o mundo pudesse assistir ao confronto com os guerreiros de Braga.

E, então, todos puderam ouvir o fidedigna relato do que se passava. O locutor perdido no seu devoto amor àquelas camisolas lá ia embalado no seu fervor dando conta daquilo que só ele via quando Vinícius, Pizzi, Chiquinho iniciavam jogadas que iam ser maravilhosas e acabariam por não o ser, como serenamente comentava César Peixoto.

Mas a mais fantástica prova de amor foi aquele golo metido na baliza pelo guarda-redes do Braga que o locutor considerou soberbo, apesar de Tiago Sá …”não ter feito tudo impedir que a bola entrasse…”, nem dando conta que ela só entrou porque o guarda-redes a meteu na baliza, pois ela ia direitinha para lá da serra de Sintra…

E quanto as grandes penalidades o senhor locutor viu pelo menos duas, coisa que só o gabinete de crise eventualmente veria.

Ao cabo dos noventa e cinco minutos o planeta sossegou. O Éssélebê vai continuar na Taça. E a RTP tinha cumprido o seu dever de informar com todo o rigor.

Ser grande e pensar em grande não é para qualquer um. O Éssélebê não brinca em serviço. Ao cabo e ao resto nem se percebeu o ar aflitíssimo de Bruno Lage nos últimos dez minutos. É que ele via o que não via a “nossa” RTP e o seu locutor.

 

4 pensamentos sobre “ÉSSEÉLEBÊ-ÉSSELEBÊ-ÉSSEÉLEBÊ

  1. Luís Miranda

    Pelo menos ninguém ouviu notícias sobre um “boi” à solta no túnel…
    E o Bruno Lage aflitíssimo?… O que ele deve ter sofrido por não ter raiva compensatória suficiente para ameaçar ou invetivar os jogadores do Benfica…
    Realmente é preciso descaramento…
    Saudações benfiquistas.
    LM

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s