O sorriso de Pinto da Costa

Os Presidentes do futebol populistas que se guindaram ao cargo, tendo como objetivo derrotar o FCP, tanto no SLB como no SCP, tiveram um triste destino.

O primeiro foi Vale e Azevedo correu com José Mourinho e percorreu o país a vociferar contra o FCP e Pinto da Costa. Abusando da demagogia chegou a ir às Antas para o meio dos adeptos benfiquistas, como se isso lhe desse a vitória que havia de se emergir das quatro linhas, onde perdeu.

Como é sabido acabou fugido e mais tarde preso e condenado por crimes graves. Vale e Azevedo sendo advogado e tendo muitos recursos na arte de ludibriar desconhecia então as artes subterrâneas próprias dos bichos de focinho afiado.

Por muito que o tempo passe convém ter presente como acabou o reinado de Vale e Azevedo. Apesar do apoio entusiasta dos adeptos que ficam cegos com as promessas sempre adiadas, mas sempre anunciadas em clima de histeria contra o “inimigo”, Vale e Azevedo acabou muito mal.

Agora foi o SCP que elegeu um Presidente que se “chateia” com as brutais agressões aos seus jogadores e treinadores, que acha que é o normal porque há que conviver com o crime, e que foi eleito tendo como um dos objetivos derrotar o velho e ultrapassado Pinto da Costa, totalmente fora de tempo.

Foram muitas as tiradas ignominiosas contra a idade de Pinto da Costa, contra o FCP e por aí fora. Tudo num clima de perfeita histeria.

Mais tarde contra o SLB. O homem, justiceiro, o único, o que confunde família e SCP, que delira andar nas bocas do mundo e nas revistas cor-de-rosa, afinal é o que é, o que sempre foi, um bluff, um zero, um fulano que só promete e nada consegue. Um egocêntrico totalmente destrambelhado. Alguém que face à violência gratuita e brutal em Alcochete contra os jogadores e a equipa técnica do SCP, afirma displicentemente que é chato assistir aos telefonemas dos jogadores para a família a queixarem-se. Que pensa o homem que deviam fazer os agredidos? Pedir-lhe socorro?

Foi a este homem que os sportinguistas deram mais de 90% dos votos para o amansar, dado que a fera ameaçava ir-se embora e deixar os notáveis e os fundamentalistas solitários na sua vontade de ganhar. E ganhar a todo o custo, seja no andebol seja no futebol.

Bruno de Carvalho vai cair com todo o estrondo, provavelmente pisado pelos seus apoiantes. Os que o guindaram a vedeta nos media dão-lhe agora o cadafalso.

No Porto, Pinto da  Costa de cima da sua idade ri-se. E arrecada mais um título.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s