Estranho Mundo Vai de Caracas a Riad

Há fenómenos muito estranhos neste mundo. Sempre houve. Desde há milénios. Porém, nesses tempos remotos o mundo não se conhecia. Para lá do Cabo Bojador só havia água a ferver com monstros que Gil Eanes despedaçou com vontade de aço e o mundo abriu-se ao mundo. Mas o estranho não é só a estranheza do que acontece, mas o modo como o mundo encara certas situações.

Há manifestações violentas. Há quem queime adversários e outros que atiram pedras e cocktails molotov. Alguns disparam. O cenário é de grande violência. Há quem não goste de Maduro, como não gostavam de Chávez. Há quem goste do líder da oposição. Há crise. Há falta de bens essenciais. O regime atribui essa falta à queda do preço do petróleo, mas a verdade é que muita, muita gente não está satisfeita e manifesta-se.

(Continuar a ler no Público Online)

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s