A Falta de Carrascos na Arábia Saudita

O Reino da Arábia Saudita tem por norma ordenar a execução dos condenados à pena capital por decapitação com sabre.

Em 13 de Março de 2013 ordenou a execução de sete homens por roubo à mão armada por pelotão de fuzilamento, sendo que eram todos menores à data dos factos.

Os pedidos de clemência de todo o mundo não demoveram as Majestades do Reino saudita.

Na altura criou uma certa estranheza entregarem a um pelotão de fuzilamento a execução dos condenados.

O Reino prontamente esclareceu que escasseavam os carrascos e a execução a sabre requer força, técnica e determinação.

Não será o caso de um pelotão de fuzilamento que apenas requer o dedo para puxar o gatilho.

Porém não admira que o Reino do petróleo se vire para um nicho do mercado de recrutamento – o Estado Islâmico.

O mercado a funcionar em pleno: no E.I. os carrascos medram. Poderão por falta de mão-de-obra no Reino wahabita importá-la do califado.

Apesar de pertencer à coligação de Obama, os sauditas também pertencem a uma mais antiga, a do terror.

E tal como os seus ex-futuros apaniguados do E.I. o terror é para partilhar.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s