Clara Sousa e Marta Temido

Desta vez a motosserra de Rodrigo Carvalho foi substituída pela prefeita do internato. A senhora tinha as Tábuas da Verdade, não era Moisés dado o género, mas era a dona dos números, percentagens e antes de chegar à SIC esteve com Marques Mendes em Delfos a ouvirem a Pitonisa sobre a pandemia.

Na verdade, quando falam os dois- Clara e Mendes- a coisa é um sossego, um ruflar de asas. Deferência para aqui, deferência para acolá, como se estivessem numa nuvem de algodão no Céu.

Clara com Marta tem outra missão: repreendê-la por todos os falhanços. A Dona Clara esqueceu-se de apontar a maior falha à Senhora Ministra – não planear o aparecimento do vírus. Não quis encostá-la à parede e não lha atirou. Marta Temido fazia anos e a jornalista condoeu-se com o facto.

Claro que o SNS não foi capaz de responder aos doentes covid e aos não covid como se sabia. O próprio Bastonário tem proclamado esse facto dia e noite em todo o Portugal e as televisões dado conta. Há uma pergunta que nunca aparece e aqui fica – E se não houvesse SNS como estávamos?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s